Relacionamento

Depoimentos de mulheres casadas com egípcios

Encontrei um tópico online muito interessante aonde mulheres explicavam porque casamentos egípcios seriam particularmente difíceis. São mulheres de várias nacionalidades, majoritariamente americanas e européias. Todas estão sob pseudônimos.

A pergunta do tópico era Por que os casamentos com egipcíos são difíceis? (Esse era o título da postagem, mas uma leitora ficou incomodada, considerando pejorativa, então alterei.)

Italiana 43 anos: O problema são as leis que defendem os homens, o sistema legal não é justo. A sociedade também favorece as mulheres a terem papéis de dona de casa e mães, o que é diferente em muitas culturas.

Russa 43 anos: A mentalidade e a cultura é um desastre. Eles te amam infinitamente e te avacalham infinitamente, mesmo que você seja a mãe dos seus filhos. Não importa o tempo que vocês tem juntos, quando eles cansarem vão procurar um “novo modelo”.

As mulheres egípcias não só entendem os homens egípcios, como os merecem! Os dois lados não estão apaixonados, mas estão tramando planos simultaneamente, cada um para seu próprio benefício.

Eles são excelentes atores.. fazem você se apaixonar com facilidade.

Americana 52 anos: Isso me assusta. Estou apaixonada por um egípcio. Ele parece genuíno, e se foca muito mais no amor do que no sexo.

Americana 54 anos: Por favor não caia na armadilha MMD! (Meu Mohammed é diferente!) são muitas, muitas histórias de desastre! Se apaixone, mas não seja ingênua.

Árabe 48 anos: Porque muitos homens egípcios são narcisistas.

Americana 32 anos: Eu posso dizer que não tenho esse problema!

Alemã 20 anos: Aqui não é permitido namorar, então o único jeito de estar com quem você ama, é se casando com a pessoa. Claro você vai precisar ter um lugar para morar e geralmente vai ser perto demais da família do seu marido… Tudo isso é muito complicado na prática. O casamento pelo que vejo aqui, é um rito de passagem que pode ser renovado muitas vezes.

Inglesa 30 anos: É importante entender que na Europa as classes sociais não definem muito. Mas em países em desenvolvimento como o Egito sim. (…)

Romance Egípcio sem Tapas

A prática religiosa, mentalidade, comportamento, concepções sobre casamento e o papel feminino sçao definidos nesse contexto social.

Uma egípcia com educação superior em uma das universidades internacionais do Cairo nunca olharia com outros olhos para um membro de recreação de um resort, ou um garçom com a família em uma vila no interior. São realidades muito distantes.

O casamento funciona como em qualquer país e sociedade, você precisa procurar pessoas com concepções como as suas. Ninguém deveria rebaixar seus padrões em troca de um marido exótico.

Australiana 46 anos: Ás vezes por tanto se falar disso parece que é a regra. Estou casada fazem 9 anos com um Mohammed maravilhoso que até me ajuda nas tarefas domésticas. Eu acredito que o fato de que ele cresceu na França (dos 2 aos 17 anos) ajudou muito. Ele tem curso superior e a sua família é bem mente aberta. Ele é mais velho do que eu, e no começo eu fiquei muito desconfiada. A gente precisa confiar nas nossas intuições… Deu tudo certo, mas ganhei o respeito dele no processo.

Americana, 36 anos: Meu marido cresceu nos Estados Unidos, e isso ajuda muito. Vocês precisam entender que ninguém vai ficar postando: “Bom dia! Meu casamento com um egípcio é maravilhoso.”

Americana, 48 anos: Regras para não cair em golpe egípcio: Não tenha filhos com ele, Não dê nenhum centavo a ele independente de qualquer circunstância, seja financeiramente independente dele.

Não que eu seja contra o amor, mas precisa de regras. Muitos homens veem as mulheres como suas propriedades.

Precisamos falar de Amor

Russa 30 anos: Entre os homens de alta classe, que tem experiências internacionais, educação, você vai encontrar homens muito melhores que os europeus. O Egito é regido por esse classicismo e infelizmente as mulheres estrangeiras se envolvem com homens sem muita instrução daí vem os problemas.


Deixe seu comentário e siga o blog Vida no Egito.

Gostou dessas dicas e quer saber mais? Siga nossas redes sociais: Instagram, Facebook e Youtube. E fique por dentro de tudo o que acontece aqui na terra dos faraós!

4 respostas »

  1. Disse tudo Evy, cada caso é um, mas a regra social é essa, status educacional conta muito, meu egípcio nunca saiu do país e tem uma mente e coração muito bom, um casamento é muito mais que apenas amor. É preciso respeitar as diferenças e não impor limites sem noção. As mulheres precisam se valorizar o tempo todo. 😘

    Curtir

  2. Há muitas coisas envolvidas nesse tópico e achei muito interessante o que a Evelyn fez! Entrevistar várias mulheres de diferentes nacionalidades porque não há uma regra para que o casamento com um egípcio dê certo,assim como um casamento com alguém de outra nacionalidade.O que acontece muitas vezes é que sempre ouço que os homens egípcios não prestam e abusam das mulheres, isso existe sim,mas também sei de casos de mulheres que são 30 anos mais velhas ,se deixam levar por papos ilusórios e também bancam esses rapazes sabendo muito bem do que se trata!Um egípcio que viveu fora ou conviveu com estrangeiros com certeza tem a mente mais aberta e é mais flexível,mas isso não é regra!Então para finalizar há casamentos de sucesso com egípcios e também outros que não deram certo,mas lhes digo uma coisa quando um homem egípcio ama de verdade ele lhe apresentará para sua família,amigos e será leal e um grande companheiro e protetor.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.