Cotidiano

Casos de Família

Se você está lendo isso eu preciso que você saiba que pra mim IRMANDADE era o que eu diza pra minhas melhores amigas do Ensino Médio!

Quando cheguei no Egito, eu descobri essa outra Irmandade que se identifica como Mulçumana, mas é controversa, e muitos Mulçumanos a condenam. Além disso eu gosto muito de conspiração policial. Se eu não escrevesse sobre isso, eu estaria me enganando. Contudo, preciso dizer que é mais para quem tem curiosidade como eu, ir mais afundo, já que pra minha segurança isso vai ser bem introdutório e superficial.

Encontrei em documentos oficiais Egípcios, Britânicos e Americanos as informações, então as conspirações de rua estão fora do texto.

O que é

Segundo esse comite de 2018, A Irmandade Mulçumana é uma organização militar com afiliados em mais de 70 países. Durante o governo de Obama, eles eram percebidos como aliados potenciais, mas foram considerados terroristas durante o governo Trump.

O grupo começou em 1928 e seu fundador Hassan al-Banna defendia que “Jihad é uma obrigação para todos os Mulçumanos e não pode ser ignorada ou evitada.” A interpretação de Jihad eu deixo para a Mayara que é Mulçumana e pode esclarecer o mau entendido que muitos tem sobre o assunto.

Sexta Feira, 28 de Agosto

Foi preso hoje um dos príncipais líderes, que atualmente morava em New Cairo, uma região luxuosa do Cairo. Mahmoud Azzuz era o “supremo líder” da organização atualmente. Ele chefiava internacionalmente a organização.

As acusações contra ele são de organizar ataques cybernéticos, explodir um carro em frente a um hospital.

De acordo com a BBC, Mahmoud Ezzat detinha muitos segredos e finanças da organização. Ele se filiou quanto tinha 18 anos e ganhou posições em 2010. Jornais Egípcios consideram ele linha de frente, e muitas vezes ele foi preso. Ele mantinha uma vida discreta desde 2012, quando foi apontado como o homem mais perigoso da organização.

A prisão de um perfil desses pode parecer um alívio, mas pode trazer consequências mais complicadas e até ataques para negociar sua soltura, já que é uma organização muito ampla e aparada.

A maior parte dos líderes estão presos.

Para acessar a notícia em Português clique aqui.


Deixe seu comentário e siga o blog Vida no Egito.

Gostou dessas dicas e quer saber mais? Siga nossas redes sociais: Instagram, Facebook e Youtube. E fique por dentro de tudo o que acontece aqui na terra dos faraós!

Categorias:Cotidiano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.