Depressão e Suicídio no Egito

Ele estava com seus amigos, e acabou se jogando da Torre do Cairo”
“Ele discutiu com o pai no dia anterior”
“Ela estava feliz e na faculdade, se jogou da ponte no Rio Nilo”
“Ele estava em depressão, tomou remédios para tentar acabar com a dor

“Ele estava trabalhando, se jogou do trem em movimento”

Este artigo veio depois de momentos muito tristes que temos acompanhado no Egito. Cada vez mais jovens e adultos tem entrado em depressão, muitas vezes mascaradas por um sorriso ou por uma “boa vida” mas que na verdade o sofrimento interno é imensurável e invisível aos olhos da sociedade.

A saúde mental no Egito é um tabu, existe uma “vergonha” em pedir ajuda ou compartilhar com alguém a necessidade de ir a um psicólogo ou psiquiatra. É preciso reverter esse quadro, é preciso criar campanhas de conscientização sobre depressão e prevenção do suicídio.

Na lista da World Health Organization, o Egito se encontra na posição 152°, o país não está no topo da lista e não tem indíces alarmantes, mas o suicídio existe por aqui e isso é um fato.

No artigo de El Mahdy N.M., Radwan N.M., Soliman E.F. publicado pelo Egyptian Journal of Occupational Medicine, 2010, há um estudo estatístico sobre o suícidio entre crianças e adolescentes no país. Dentre as causas que levam estes jovens ao suicídio, estão no topo da lista:

  • Dependência química
  • Depressão
  • Baixo resultados nas provas
  • Fim de relacionamento
  • Problemas psicológicos
  • Brigas conjugais
  • Problemas no trabalho

Ainda na pesquisa, o resultado mostra que a maioria das vitimas são empregados, nas posições seguintes vem as donas de casa, os universitários e estudantes.

Leia mais: A verdade sobre suicídio no Egito (artigo em inglês)

Saúde Mental no Egito

Em 2018, a autoridade metropolitana do Egito alertou os passageiros a não cometerem suicídio nos trilhos, pois seria um “inconveniente” para o público, em resposta ao aumento do número de tentativas de suicídio na estação.

O tabu em torno da saúde mental no país, bloqueia os desenvolvimentos na área, uma vez que os serviços públicos geralmente são subfinanciados e os profissionais geralmente não possuem treinamento adequado.

Os números divulgados em março de 2017 pela Secretaria-Geral de Saúde Mental revelaram que 516.000 pessoas foram internadas em hospitais psiquiátricos em todo o país em 2016.

Em outubro do ano passado, o Ministério da Saúde e População lançou uma campanha chamada “Al-Saraya Al-Safra” ou “Palácio Amarelo”, combatendo o estigma em torno da saúde mental.

A campanha destacou os serviços de saúde mental que o ministério oferece em parceria com 18 hospitais, incluindo o Hospital Abbasiya, Al Khanka e o Hospital Helwan.


Fonte: Egýptian Streets

Procure ajuda

Depressão é real, está conosco ou do nosso lado, precisamos ajudar a quem precisa ou nos ajudar também. Se você está se sentindo muito triste, com uma dor que não passa nunca, se você não está bem, busque ajuda especializada, não deixe a dor tomar conta de você.

Pais: cuidem dos vossos filhos, conversem com eles, falem sobre as angústias e tristezas
Escolas: criem aulas especiais e coloquem psicólogos na instituição
Governo: faça campanhas preventivas de larga escala para prevenção do suicídio.
Instituições religiosas: nos discursos e palestras reforcem a importância de procurar ajuda.

Depressão não é frescura, não é falta de Deus, é DOR!

Deixe seu comentário e siga o blog Vida no Egito.

Gostou dessas dicas e quer saber mais? Siga nossas redes sociais: Instagram Facebook e Youtube. E fique por dentro de tudo o que acontece aqui na terra dos faraós!

Cotidiano,

Escrito por Mayara Carmo

Apaixonada pela arte e por viagens, Mayara é paraibana e formada em Arte e Mídia pela Universidade Federal de Campina Grande. Depois de pisar em vários países, acabou fazendo do Egito o seu lar doce lar desde 2015 . Mãe e esposa, ela não deixa de perseguir os seus sonhos e aprender cada vez mais. Mayara trabalha com Marketing de Conteúdo e nas horas vagas como freelancer.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: